La Trappe Trappist

Holanda 1881

Berkel-Enschot foi o local onde nasceu a La Trappe e onde fica o mosteiro Trapense “Onze Lieve Vrouw van Koningshoeven”. O mosteiro, fundado em 1881 por uma ordem Trapense refugiada de França, foi construído numa pequena região silvestre, rodeada de pequenas quintas e criações de ovelhas. Para subsistirem, os monges começaram a recuperar e cultivar a terra pobre de Koningshoeven, mas tornou-se logo evidente que os custos excederiam os lucros e uma solução teve que ser encontrada, especialmente quando mais e mais candidatos para a vida monástica pediam a admissão e o lugar de refúgio se transformou numa fundação permanente. Quando as atividades da quinta já não supriam as necessidades básicas, o monge superior Nivard Schweykart decidiu começar a produzir cerveja. Este seria o começo da única cervejaria Trapense holandesa e que hoje é a fonte de rendimento mais importante do mosteiro.
De acordo com os locais, estas quintas eram chamadas de Koningshoeven – as quintas reais - por terem sido um dia propriedade do Rei Willem II. Por este motivo, o mosteiro também assim se denomina.